O Programa

O Programa de Engenharia Urbana da Poli/UFRJ tem como objetivo atender, dentro da temática urbana, à demanda por pesquisa aplicada e capacitação profissional, observando os critérios de excelência e eficiência estabelecidos na UFRJ. Tem o firme compromisso de observar as diretrizes de ensino e pesquisa determinadas pela instituição, buscando uma atuação sólida e continuada na elaboração de novas técnicas e processos em Engenharia Urbana, e assim repercutindo sua produção técnico-científica no mercado profissional e na comunidade acadêmica.

Como objetivo geral, pretende fomentar a busca pelo aspecto investigativo, analítico e aplicado das tecnologias para gestão e intervenção urbana, através da produção (cursos, dissertações, eventos, convênios, projetos, publicações, etc.) de seu corpo docente e discente. Com estas ações, pretende ao longo do tempo consolidar-se como forte referência regional e nacional em ensino e pesquisa relacionados às cidades e assuntos técnicos afins.

Os objetivos específicos estão assim definidos :
- agregar a pesquisa e o desenvolvimento na temática urbana para o âmbito das engenharias;
- capacitar profissionais graduados para identificar, selecionar, avaliar e propor soluções e estratégias de intervenção;
gerar produção técnico-científica aplicada ao diagnóstico da realidade urbana atual e à construção de cenários prospectivos;
- colaborar fornecendo fundamentação técnica ao processo de tomada de decisão;
- colaborar para a qualidade na elaboração e implantação de planos diretores para as cidades;
- atuar com base técnica e científica nos processos de gestão e governança urbana;
- fortalecer canais de intercâmbio acadêmico internacional com instituições estrangeiras com interesse em estudar a conjuntura urbana brasileira e cotejá-la com a de seus países de origem;
- criar a partir dos seus pós-graduados vetores de difusão e ampliação dos conhecimentos por estes adquiridos
intensificar os processos colaborativos com outras áreas de conhecimento e instituições que atuam na temática urbana;
- promover a integração e a consolidação do corpo docente nas atividades relacionadas ao aprimoramento do mestrado profissional;
- colaborar com os demais programas já instituídos e a serem criados na UFRJ.

O Curso de Mestrado Profissional em Engenharia Urbana, ao mesmo tempo em que promove a releitura de teorias e conceitos sob a ótica do engenheiro - sustentabilidade urbana - capacitará seus pós-graduados a desenvolver e aplicar conhecimento técnico para apoio à condução de processos participativos e à tomada de decisões. Não se trata, no entanto, de prevalecer a abordagem da engenharia, mas contribuir para agregá-la ao vasto conjunto do saber já sedimentado pelas demais áreas. Neste sentido, contará com a colaboração de professores do IPPUR, que serão responsáveis pela parte de formulação, implementação e gestão de políticas urbanas.

Este curso, ao ser oferecido no âmbito da Escola Politécnica, dentro do contexto de tecnologia aplicada (gestão e infra-estrutura) e de educação continuada (ensino para graduados), vem bem ao encontro dos requisitos da portaria CAPES nº. 080 de 16/12/1998, que ao dispor sobre o reconhecimento do mestrado dirigido à formação profissional, também coloca como objetivos:

a necessidade da formação de profissionais pós graduados aptos a elaborar novas técnicas e processos, com desempenho diferenciado de egressos dos cursos de mestrado que visem preferencialmente um aprofundamento de conhecimentos ou técnicas de pesquisa científica, tecnológica ou artística”, e também “a relevância do caráter de terminalidade, assumido pelo Mestrado que enfatize o aprofundamento da formação científica ou profissional conquistada na graduação, aludido no Parecer nº 977, de 03/12/65, do Conselho Federal de Educação”;

Para exemplificar o alcance de um curso nestes moldes, no Brasil são mais de 5.500 municípios que, em suas secretarias de planejamento, obras, transporte, saneamento, meio-ambiente, etc., demandam tal qualificação para seus dirigentes e técnicos. Por outro lado, eventos já organizados pelos integrantes do corpo docente já detectaram o forte interesse demonstrado por parte das empresas de energia, gestão, logística, construção civil e serviços públicos envolvidas com a problemática urbana.

Clique aqui para baixar a apresentação do PEU em slides.